Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

sábado, 24 de outubro de 2009

O Que é Ser Crente?


Ser crente é crer em alguma coisa. É crer em algo existente ou inexistente. Há diversos tipos de crentes e diversos tipos de coisas para se crer. Há crente que crê em fada, em duende, em sereia, em mula sem-cabeça; saci perere e por aí vai. Há também aquele que só crê no que vê. Todos tem o direito de crer em quem ou no que quiserem, mas o primordial é crer Naquele que formou e criou tudo quanto existe diante de nossos olhos ou fora dele. Tem gente que diz ah fulano agora é crente! Agora virou crente! É uma incoerência muito grande. E essa pessoa também não é crente não? Ela por sua vez crê em algo certamente. Portanto também ela é crente. Existem pessoas que se dizem crente em Deus, e criticam o seu próximo porque também são crentes em Deus. Existem aquelas denominações que realmente são verdadeiros crentes em Deus e no Senhor Jesus Cristo. E existem aquelas que se dizem crentes em Deus e no Senhor Jesus Cristo e no entanto não andam em qualidade de vida com Deus e com Jesus. Satanás também se diz crente, e ele crê em Deus, porém ele faz a vontade de Deus? Claro que não. É tanto que ele crê, que cita as Escrituras e as conhece muito mais que qualquer um, as conhece de trás pra frente, de frente pra trás. Foi citando as Escrituras que ele (Satanás) tentou Jesus por várias vezes. Por que ele fez isso? Porque crê que as Escrituras são a fonte da verdade. Porém nega em sua plenitude; conhece, crê e nega. Existem pessoas que quando vêem um evangélico/protestante, criticam, xingam, dizem que é metido, que é sabichão e ainda dizem: “deus me livre de ser um crente”. Isso é falta de conhecimento, é falta de ter realmente o Deus verdadeiro no seu coração. Ele crê num deus de mentira, num deus falso, num deus que satisfaça seu ego, num deus que compactue com seus desejos. Se realmente cresse no Deus verdadeiro não diria assim. Isso é normal se vê. Quando um crente se depara com uma situação dessas o que deve ser feito? Orar. Simplesmente orar, pedir ao “Deus Supremo” para esclarecer a mente daquela pessoa, não criticá-lo, porque ele age pela ignorância, pela falta de conhecimento da verdade. É por isso que devemos procurar sempre o conhecimento da verdade, e Deus disse que o conhecimento da verdade liberta, vejamos: (João 8.32) “E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará." (2Timóteo 3.16) “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça”, (2João 1.9) “Todo aquele que ultrapassa a doutrina de Cristo e nela não permanece não tem Deus; o que permanece na doutrina, esse tem tanto o Pai como o Filho”. Então não devemos criticar uns aos outros em matéria de crença; mas, o mais importante e essencial é crermos num único Deus Vivo e Verdadeiro que tudo fez, tudo pode, tudo sabe e tudo vê, ninguém escapa aos Seus olhos. Devemos dizer com intrepidez: Eu Sou Crente em Deus e em Cristo Jesus, e deixe quem quiser falar e criticar, pois falta-lhes o conhecimento da verdade. Pense nisso!