Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

terça-feira, 16 de março de 2010

MENSAGEM PASTORAL - O Valor da Amizade

       No dia 20 de julho comemoramos o “Dia da Amizade”. Desde a criação do primeiro casal (Adão e Eva), Deus nos mostrou que precisamos uns dos outros. Como é maravilhoso pensarmos que Abraão foi chamado de “amigo de Deus”, devido o bom relacionamento de amizade que havia entre eles.
       Quão bela era a amizade entre Jônatas e Davi, entre Rute e Noemi, e tantos outros exemplos que a Palavra de Deus nos dá. O próprio Jesus, certa vez só para se ter uma idéia, devido ao seu grande amor pelos perdidos, foi chamado de “amigo de pecadores” (Lc 5:29-32) e criticado por isso.
       No texto supracitado, o Senhor Jesus se apresenta aos seus discipulos, não só como Senhor deles, mas, como amigos deles: já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado de amigos...(Jo. 15:15).
       E é o próprio Jesus que diz que o seu mandamento é que amemos uns aos outros, assim como ele nos amou (Jo. 15:12).
Qual o Propósito do Tema: “ O valor da Amizade?”.

I - Promover a Unidade e a Comunhão na Igreja


       No Evangelho de João, Jesus diz que ninguém tem maior amor do que o Dele: de dar alguém a própria vida em favor de seus amigos (vers.13). Numa igreja, o que deve prevalecer é o amor de Deus unindo os nossos corações e alma. O Espirito Santo é um só.
       E somos unidos em um só corpo, o corpo de Cristo. A falta de visão do “todo” tem enfraquecido as igrejas, e como consequencia desta falta de comunhão e de amizade entre os irmãos, não contamos, como antes, com a simpatia de todo o povo, como acontecia com a Igreja Primitiva (At. 2: 47). Se não construirmos uma igreja unida, onde os irmãos em Cristo são irmãos de fato, teremos um “ajuntamento solene” (Is. 1:13); mas nunca uma Igreja, Corpo de Cristo.

II - Desenvolver o Amor Entre Os Irmãos? Vers. 12.

       Somos alvos do amor de Deus. Ele um dia olhou para nós, e viu que não havia nenhum justo, nem quem entendesse o seu amor e nem tão pouco quem o buscasse (Rm. 3:10-12).
Mas, foi o próprio Jesus que morreu por nós, que demonstrou o quanto Deus nos ama (Rm. 5:8). E agora. Ele (Cristo) nos chama de amigos, pois, diz Ele: “tudo o que o Pai me deu vos tenho dado a conhecer”.
       Muitas vezes chamamos uns aos outros de irmãos meramente, como se fosse uma frase de efeito. Mas poucas vezes temos sentido aquele ou aquela pessoa como irmão de verdade. Somos hoje, desafiados a desenvolver este amor, onde a amizade e o “espirito fraterno” precisa nortear todos os corações. Onde não há lugar para o “maior e nem melhor”. Mas o que existe é um “Corpo” (o de Cristo) que cresce para a glória de Deus Pai.

III - Ser Semelhante a Cristo. Nosso Amigo (Vers. 14,15)

       O Senhor Jesus é o nosso melhor amigo (Hino nº 161- Hinário Novo Cântico). E Ele, diz que só poderemos ser amigos dele, se fizermos o que Ele manda. E o que Ele nos manda fazer e seguir o seu exemplo. Sendo amigo de nossos irmãos.
       Ser amigo de quem a gente gosta ou tem um bom relacionamento com ele é tarefa fácil. Mas, Jesus nos desafia a sermos amigos uns dos outros. Sem distinção. Já dizia o sábio Salomão em um de seus provérbios. “Em todo o tempo ama o amigo e na angustia se faz o irmão”. (Pv. 17:17)
       A amizade é mantida pela comunhão e o amor dos irmãos. Onde imbuídos desse “amor fraterno”, crescemos para a glória de Deus .

Rev. Pastor José Roberto
Imagens: Internet