Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

sábado, 7 de agosto de 2010

O Primeiro Amor

Amados, quem ainda não ouviu falar no primeiro amor? Quando se fala no primeiro amor, logo vem aquela lembrança do primeiro amor entre um homem e uma mulher. Aquele amor que acabou. Aquele amor que foi embora. Aquele amor que está distante!

É claro que esse primeiro amor para nós é significante, quem pode esquecê-lo?
Mas o verdadeiro amor que estamos nos referindo aqui não é esse; é o primeiro amor em referência para com Deus. É aquele amor incondicional nosso para ELE.
Será que nós seres humanos temos um amor incondicional para com o nosso Deus?
Será que impomos alguma condição para podermos amar a Ele? Não amamos aos nossos familiares mais do que a Ele?

Em todas as esferas isso é evidente que sim, amamos aos nossos familiares mais que a Deus, e até coisas, amamos mais que a Deus.
Nosso Deus sempre fica em terceiro ou quarto plano em relação ao nosso amor.
Isso se constitui um grande pecado nosso para com Deus o autor e consumador da fé.

Foi ele quem nos deu a vida. Que tal pararmos e analisarmos o que é a vida para cada um de nós?
Aquele que ama sua vida já agradeceu ou agradece a Deus por isso?
Devemos dar graças exclusivamente a ELE porque sem ELE não teríamos ela, a vida.

Vejamos o que Jesus falou: Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim não é digno de mim; quem ama seu filho ou sua filha mais do que a mim não é digno de mim; (Mateus 10.37 ).

Vivemos em constante desobediência a nosso Deus mesmo sabendo disso?
E Jesus Cristo aquele que vai carimbar o passaporte para o Reino Celestial daqueles que se converterem, nem assim merece o primeiro amor?

Não há outro, nem outra, meio ou coisa, que pode nos fazer adentrar ao Reino de Deus a não ser Jesus, e nem assim dispensamos amor por Ele? Ele não é digno de receber de nós o primeiro amor?
Meditemos nesse texto das Escrituras! Nós amamos porque ele nos amou primeiro. (1 João 4.19)

Sim, amamos a quem? a Ele Deus em primeiro lugar, ou ao mundo em primeiro lugar?
Pois saibamos amados que Deus nos amou primeiro nas regiões celestiais em Cristo Jesus, e por causa desse amor enviou seu Filho para morrer por nós.

Esse é o verdadeiro primeiro amor! O amor Ágape! E que condição imputamos a Deus para dedicarmos-lhe o primeiro amor? Nenhuma! Agora Ele sim, nos impõe uma condição! A condição de que mudemos, que nos convertamos e passemos a ser nova criatura nEle.
E nós obedientes devemos retribuir-lhe esse primeiro amor!

Quero dar aqui um pequeno exemplo de falta de amor e dedicação a Deus: "se você está pronto para ir a igreja e chega uma pessoa em sua casa nesse momento você desfaz a ida a igreja e passa a dar atenção aquela visita".
O certo é convidá-lo também a ir com você, caso não aceite, sugira a visita para outra hora!
É preferível perder uma visita do que perder o amor por Deus!

Não deixemos as coisas referentes a Deus para segundo plano, sempre procuremos dedicar-lhe os primeiros lugares, os primeiros planos, as primeiras atenções, e o que é mais importante o primeiro amor!
Não sejamos negligentes com Aquele que nos amou e ama mais que tudo!

Que o verdadeiro amor em Cristo Jesus possa resplandecer em cada coração, e que cada um que ler essas palavras possa assimilar que devemos dedicar a ELE o nosso primeiro amor!
Que o verdadeiro amor, o amor sem hipocrisia esteja nos corações de todos! Amem!

Por Joseval Oliveira
Imagem: Joseval Oliveira