segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

DROGAS

As drogas matam.  Deus ajuda na libertação

Ó Senhor meu Deus,
ouve a minha oração!
Escuta o meu pedido.
Responde-me, pois, és fiel e bom.
Não julgues a mim, este teu servo,
pois ninguém é inocente diante de ti.

O meu inimigo me perseguiu até me pegar
e me derrotou completamente.
Ele me pôs numa prisão escura,
e eu sou como aqueles que
morreram há muito tempo.

Por isso, estou quase desistindo,
e o desespero despedaça o meu coração.
A ti levanto as mãos em oração;
como terra seca,
eu tenho sede de ti.

Ó Senhor Deus,
responde-me depressa,
pois já perdi todas as esperanças!
Não te escondas de mim
para que eu não seja
como aqueles
que descem ao mundo dos mortos.

Peço que todas as manhãs
tu me fales do teu amor,
pois em ti eu tenho posto
a minha confiança.
As minhas orações sobem a ti;
mostra-me o caminho
que devo seguir!

Salmos 143.1-4, 6-8
Imagem: Joseval Oliveira