Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Mensagem Pastoral - AS OBRAS DA CARNE


As obras da carne (Gl. 5.19-21) são condenadas nas Escrituras Sagradas, não só porque militam contra o Espirito (Gl 5.17), mas também, porque quem vive na “carne” não pode agradar e nem viver para Deus (Rm 8.8). As “Obras da carne” incluem:
1- “Prostituição” (no grego: porneia), isto é, imoralidade sexual de todas as formas. Isto inclui, também, gostar de quadros, filmes ou publicações pornográficas (conferir Mt 5.32; 19.9; At 15.20,29; 21.25; 1Co 5.1).
Os termos moichéia e porneia são traduzidos por uma só palavra em português: prostituição
2- “Impureza” (gr. Akatharsia), i.e., pecados sexuais, atos pecaminosos e vícios, inclusive maus pensamentos e desejos lascivos do coração (Ef 5.3; Cl 3.5).
3-  “Lascívia” (gr. Aselgeia), i.e., sensualidades.
É a pessoa seguir suas próprias paixões e maus desejos a ponto de perder a vergonha e a decência (2 Co. 12.21). A lasciva é também usar o corpo para despertar desejos nos outros.
Um exemplo claro é o de Dalila, que usou seu corpo e sua sensualidade para enganar e seduzir Sansão (Jz 16.4-22).
4-  “Idolatria' (gr. eidololatria), i.e., a adoração de espíritos, pessoas ou ídolos, e também a confiança numa pessoa, instituição ou objeto como se tivesse autoridade igual ou maior que Deus e sua Palavra (Cl. 3.5)
5-  “Feiticarias” (gr. pharmakeia), i.e, espiritismo, magia negra, adoração de demônios e o uso de drogas e outros materiais, na prática da feitiçaria (Êx. 7.11, 22; 8.18; Ap. 9. 21; 18. 23).
6-  “Inimizades” (gr. Schthra), i. e, intenções e ações fortemente hostis; antipatia e inimizade extremas.
7-  “ Porfias” (gr. Eris), i. e, brigas, oposição, luta por superioridade (Rm 1. 29; 1 Co 1. 11; 3.2).
8-  “ciumes” (gr. Zelos), i. e, ressentimento, inveja amarga do sucesso dos outros (Rm 13.13; 1 Co. 3. 3).
9-  “Iras” (gr. Thumos), i. e, ira ou fúria explosiva que irrompe através de palavras e ações violentas (Cl 3. 8).
10-  “Contendas” (gr. Eritheia), i. e, ambição egoísta e a cobiça do poder (2 Co 12. 20; Fp 1.16, 17).
11-  “Dissensões” (gr. Dichostasia), i. e, introduzir ensinos cismáticos na congregação sem qualquer respaldo na Palavra de Deus (Rm 16.17)
12-  “ Heresias” (gr. hairesis), i. e, grupos divididos dentro da congregação, formando conluios egoístas que destroem a comunhão e a unidade da igreja (1 Co 11.19).
13- ” Invejas” (gr. fthonos), i. e, antipatia ressentida contra outra pessoa que possui algo que não temos e queremos.
14- “Homicídios” (gr. Phonos), i. e, matar o próximo por perversidade. A tradução do termo phonos na Bíblia de Almeida está embutida na tradução de methe, a seguir, por tratar-se de obras e práticas conexas.
15 “Bebedices” (gr. Methe), i. e, descontrole das faculdades físicas e mentais por meio de bebida alcoólicas e embriagante.
16- “ Glutonarias” (gr. Konos), i. e, diversões, festas com comida e bebida de modo extravagante e desenfreado, envolvendo drogas, sexo e coisas semelhantes. As palavras finais de Paulo sobre as obras da carne são severas e enérgicas: quem se diz crente em Jesus e participa dessas atividades iníquas exclui-se do reino de Deus, i. e, não terá salvação (Gl 5. 21; ver 1 Co 6. 9)

(Pesquisa realizada pelo Rev. José Roberto).
Imagem: Joseval Oliveira