Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Mensagem Pastoral - A PESSOA DO ESPIRITO SANTO

"Mas o Consolador, o Espirito Santo, a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo o que vos tenho dito" (Jo.14:26).

Vários atributos definem uma pessoa, mas podemos destacar o intelecto, a sensibilidade e a vontade, no caso do "Consolador", o Espírito Santo.
Deus subsiste em três pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo (Ef 4: 6). Portanto, o Pai é pessoa, o Filho é pessoa e o Espírito é pessoa.
Muito se tem ensinado sobre o Deus Pai e o Deus Filho, mas pouco se tem ensinado sobre o Espírito Santo, a 3ª Pessoa da trindade.
Alguns grupos heréticos afirmam que o Espírito Santo, é meramente uma força (ativa de Jeová) ou influência impessoal, o que não é verdade.
Vamos caminhar pelas páginas da Bíblia e aprender que não há nada que possa negar a realidade de que o Espírito Santo é de fato uma Pessoa, que possui intelecto, sensibilidade e vontade.
Deus, quanto pessoa é Trino. Quanto à essência, é Uno. Por isso, é chamado de DeusTriUno.

Seu Intelecto

A palavra intelecto está associada à inteligência. Uma pessoa inteligente é aquela que possui a capacidade de compreender ou habilidade para resolver situações problemáticas novas, mediante a reestruturação dos dados perceptivos; é a pessoa que raciocina bem.
Encontramos na Bíblia diversas referências que deixam bem claro que o Espírito Santo possui inteligência.

a) Ele ensina e faz lembrar, (Jo 14: 26) - Já no Antigo Testamento o Espírito cumpria a missão de ensinar, (Ne 9: 20). Ninguém discorda de que Ele é mestre por excelência e nos faz lembrar de tudo o que Jesus nos ensinou.
b) Ele tem sabedoria e inteligência, (Is 11: 2) - O profeta Isaias, está falando do Messias que haveria de vir e seria poderosamente ungido pelo Espírito Santo, a fim de cumprir a vontade do Pai, (Jo.l :33,34).
João descreve a plenitude do Espírito na vida de Jesus. É o Espírito Santo quem anuncia a Cristo e nos guia a toda a verdade, (Jo. 16: 13-14).
c) Ele tem conhecimento e conselho, (Is 11: 2) - Entre os nove dons citados em 1ªCo. 12:8; está o do conhecimento (ciência) que é dado pelo Espírito Santo. Ele nos faz ver os "mistérios de Deus", (Rm 11: 33). Deus se deixou conhecer por meio de Seu Espírito.
d) Ele revela (Ef 1: 17) - Ele é onisciente.
Deus se revela nas Escrituras Sagradas como um Deus, que se relaciona com seu povo; e como um Deus pessoal, que interage e mostra a Sua vontade Soberana por meio de Seu Espírito.
Não é sem motivos que diz o Evangelho de João: "Deus é Espírito; e importa que os seus adaradores o adorem em espírito e em verdade" (Jo 4:24)

(Artigo Extraído e Adaptado- Rev. José Roberto da Silva Neto)
Imagem: Internet-Google imagens