Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Mensagem Pastoral - ABRAÃO: UM HOMEM DE TEMOR E FÉ


                       Abraão, é conhecido na história de Israel como um homem de grande fé e amigo de Deus. Sua saída, da terra dos Caldeus foi sem nenhuma dúvida um grande passo de fé.
Deus, ao chamar Abraão disse: “sai da tua terra e da tua parentela e da casa de teu pai e vai para a terra que eu te mostrarei; de ti farei uma grande nação... Sê tu uma benção!” (Gn. 12:1,2).
Abraão, deixando tudo para trás, sai em busca desta “terra prometida”, motivado tão somente pela sua fé em Deus.
Muitas vezes somos convidados a sair de nossa parentela e de nossa terra para uma terra estranha. E a exemplo de Abraão precisamos obedecer a Deus sem duvidar.
Onde há fé, não pode existir dúvida. A fé verdadeira faz desaparecer a inquietação, a desconfiança e a incredulidade. Para que isto aconteça, essa fé precisa está alicerçada em Deus.
Quando o Senhor pediu a Abraão, o seu filho Isaque, Abraão não pensou duas vezes, atendeu imediatamente o pedido de Deus.
A dor da separação de um pai e o seu filho, era a barreira mais difícil que Abraão teria que ultrapassar. Mas, mesmo diante dela, ao invés dele se desesperar que era o normal, o comum, Abraão, repousou sua fé em Deus, o “Deus da Providência”.
Ele dá um passo de fé após outro, tudo isso confiando inteiramente na promessa de Deus, no Deus da sua salvação.
Abraão, mesmo diante da possível perda de seu filho Isaque, ele, continuou crendo em Deus. A fé de Abraão, era tão grande, e tão descomunal, que ele acreditava que Deus, poderia ressuscitar Isaque mesmo depois de morto (Conf. Hb 11: 17-19).
Em Rm. 4:18-20, o apóstolo Paulo diz: “Abraão, esperando contra a esperança, creu, para vir a ser pai de muitas nações,... E, sem enfraquecer na fé, embora levasse em conta seu próprio corpo amortecido... não duvidou, por incredulidade, da promessa de Deus; mas, pela fé, se fortaleceu, dando glória a Deus”.
Porque Abraão não desistiu do pedido de Deus? Porque Abraão, tinha sua fé no Deus verdadeiro. E tinha uma profunda intimidade com Ele.
Foi no Monte da Providência, que Deus providenciou aquele que morreria no lugar de Isaque, filho de Abraão.
O Monte Moriá (o monte da providência), foi o lugar, que Deus providenciou o “Cordeiro Pascal”, que morreria em nosso lugar. Seu nome, Jesus Cristo, o Filho amado de Deus.

Por Rev. José Roberto
Ilustração: Internet- Google Imagens