Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

terça-feira, 20 de setembro de 2011

A Ramagem




LEITURA BÍBLICA:
Romanos 7.14-25

O pecado não os dominará, porque vocês não estão debaixo da Lei, mas da graça (Rm 6.14).


Há alguns meses notei que uma pequena planta crescia, se espalhava pelo chão e subia nas árvores do nosso quintal- uma intrusa. Parecia um belo ornamento e crescia rapidamente, mas não demorou para que tomasse completamente algumas plantas, a cerca de madeira e a casinha das ferramentas. Fiquei assustado! Quando fui notar, suas raízes eram grossas, entrelaçadas e profundas. O mal estava feito e era tempo de agir. Tomei coragem e, com uma boa tesoura de jardinagem, comecei cortar galho a galho até chegar às suas raízes. Foi um trabalho árduo e cansativo. Aquela plantinha inocente e linda nunca foi o que parecia. Suas folhas demonstravam beleza, mas faziam parte integrante de um cipó maligno. Sorrateiramente queria destruir e não adornar.
Exausto, parei para descansar. Sentei-me e pus-me a pensar que aquela ramagem era uma ilustração do que o pecado (a desobediência a Deus) faz na vida de uma pessoa: engana como aquele cipó. Vem demonstrando muita beleza, entra e começa o seu trabalho destruidor. No principio tudo está bem. Com o passar do tempo seus galhos se espalham, as folhas multiplicam-se, as raízes se aprofundam e a vida está em perigo de ser totalmente dominada por ele. Aí começa a luta para livrar-se daquilo. Paulo escreve no texto em destaque que a pessoa tem o desejo de fazer o que é bom, mas não consegue porque o pecado já passou a dominá-la. Já não faz o bem, mas o pecado que está dentro dela. Tornou-se um mísero servo do pecado. A única solução é cortar a ramagem daninha dos seus desejos e desenterrar suas raízes - a desobediência. Nós mesmos não temos forças para fazê-lo. Necessitamos da ajuda do Senhor Jesus. Ele derramou o seu sangue na cruz para destruir os pecados de quem confiar nele. Mediante a fé você pode receber o perdão de Deus e ter uma vida livre do domínio do pecado. - JG

Como um bom jardineiro, Jesus limpa da nossa vida o mato chamado pecado.


Fonte: Pão Diário
Imagem: Internet- Google imagens