Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

sábado, 17 de setembro de 2011

VOCÊ FICARIA DE PÉ?




Havia um professor de filosofia que era um ateu convicto.
Sempre sua meta principal era tomar um semestre inteiro para provar que DEUS não existe.
Os estudantes sempre tinham medo de argüi-lo por causa da sua lógica impecável.
Por 20 anos ensinou e mostrou que jamais haveria alguém que ousasse contrariá-lo, embora, às vezes surgisse alguém que o tentasse, nunca o venciam.
No final de todo semestre, no último dia, fazia a mesma pergunta à sua classe de 300 alunos:
- Se há alguém aqui que ainda acredita em Jesus, que fique de pé!
Em 20 anos ninguém ousou levantar-se.
Sabiam o que o professor faria em seguida. Diria : - Porque qualquer um que acredita em Deus é um tolo! Se Deus existe impediria que este giz caísse ao chão e se quebrasse.
Esta simples questão provaria que Ele existe, mas, não pode fazer isso!
E todos os anos soltava o giz, que caia ao chão partindo-se em pedaços.
E todos os estudantes apenas ficavam quietos, vendo a DEMONSTRAÇÃO.
A maioria dos alunos pensavam que Deus poderia não existir. Certamente, havia alguns cristãos mas, todos tiveram muito medo de ficar de pé.
Bem.... há alguns anos chegou a vez de um jovem cristão que tinha ouvido sobre a fama daquele professor. O jovem estava com medo, mas, por 3 meses daquele semestre orou todas as manhãs, pedindo que tivesse coragem de se levantar, não importando o que o professor dissesse ou o que a classe pensasse. Nada do que dissessem abalaria sua fé... ao menos era seu desejo.
Finalmente o dia chegou. O professor disse:
- Se há alguém aqui que ainda acredita em Jesus, que fique de pé!
O professor e os 300 alunos viram, atônitos, o rapaz levantar-se no fundo da sala.
O professor falou:
- Você é um TOLO!!! Se Deus existe impedirá que este giz caia ao chão e se quebre!
O aluno levantou-se e com a coragem que só a fé nos proporciona e falou:
-Professor, não sei o que te move a dizer estas coisas...Você demonstra ter uma força no seu raciocínio que inibe as pessoas de te contrariarem. Mas, eu te olho daqui e vejo apenas um homem, que não enxerga a si mesmo, não reconhece que a sua própria vida existe independente da tua vontade, e não foi você quem a criou. Isto já basta pra mim como prova que Deus existe. Admiro sua lógica, e mais uma vez dou Graças a Deus, por tamanha beleza. Criou o homem e ainda o serviu com inteligência. Você o nega, e ainda tenta nos convencer a negá-lo também, e de novo eu encontro a Misericórdia Divina presente, aquela que Jesus tanto falou, e que nós deveríamos praticá-la, eu a vejo, a sinto fortemente através das suas aulas, porque mesmo você o negando tanto, mesmo assim ELE não retira a sua vida num só sopro da Sua Vontade, deixando que você mesmo um dia o Aceite, o Perceba, o Considere, o Ame.
Quanto ao giz, fico admirado porque, a lei da gravidade, é uma lei deste planeta, e é uma Lei da Vida, portanto, é uma lei Divina também, nenhum homem em sã consciência se atiraria de um precipício para ver se Deus existe e o salvaria de se arrebentar quando chegasse lá embaixo, simplesmente porque Deus nos proporcionou conhecimentos instintivos para nos protegermos independente de conhecermos cientificamente a lei da gravidade. Um analfabeto, sem nunca ter estudado nada sobre ela, a reconhece e a respeita. Porque Deus não discrimina ninguém para provê-lo da SUA Sabedoria.
Com tudo isto, penso então, com a ajuda de Deus, que um dia você também o reconhecerá, e saíra deste pensamento obscuro sobre Seu próprio Criador. E neste dia você se sentirá muito bem e muito mais tranquilo sem a necessidade de provar para ninguém algo completamente inexistente. Até lá, com paciência, assistiremos sua aula, e aproveito para convidar meus amigos de sala, a orarem por ti, para que na posição que ocupa, de professor, possa nos servir em breve de exemplo a seguir.
A fé, a confiança, a perseverança e o amor em Deus é algo completamente individual, cada um a possui e a pratica conforme suas próprias limitações, e Deus também, sabe muito bem disto e a respeita em cada um, cabe a nós individualmente, no calor da nossa intimidade e em nossas ações diárias permitir que elas façam parte das nossas vidas ou não.
Já ocupei muito do seu tempo professor, gostaria de ouvi-lo, até sobre o giz novamente, se for este o assunto mais importante que você tem para nos orientar.
O queixo do professor caiu enquanto seu olhar, assustado, observava a sala, o giz e todas as pessoas que uma a uma foram se levantando.
O rapaz firmemente na frente de seus colegas, havia, compartilhado sua fé. Os 300 estudantes ouviram, silenciosamente, sobre o amor de Deus por todos e sobre seu poder através do amor que tanto Jesus nos ensinou.
Muitas vezes passamos por situações em que nossa fé é testada, acreditando até que "nosso giz" vai quebrar, mas Deus, com sua infinita sabedoria, poder e amor faz o contrário, só precisamos dar espaço para Ele existir em nossos corações.
Indique a seus amigos, cristãos e não cristãos, dando-lhes a coragem que precisamos todos os dias ao nos levantarmos.

EU ESTOU DE PÉ! Alguém me acompanha?

Fonte procedente de e-mail
Imagem: Internet – Google imagens