Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Ninguém vem ao Pai, senão por mim!


Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. (João 14:6)

Amados leitores, no Princípio criou Deus todas as coisas pela Palavra. Ele ordenava e as coisas iam se formando conforme a sua vontade e seu desejo. Deus criou primeiro os céus e a terra. Deus disse haja luz, e a claridade passou a existir separando a luz da escuridão. O que é da luz é da luz. O que é das trevas é trevas. As duas coisas não podem estar juntas ao mesmo tempo, ou se acende uma e clareia, ou se apaga e tudo fica escuro. (Gênesis 1.1-25)
Deus criou primeiro todas as coisas menos o homem, inclusive os animais criou primeiro que o homem. E via Deus que tudo o que criou era muito bom. até então não tinha sentido o mundo sem alguém especial dotado de inteligencia para administrar. Depois de tudo formado, o jardim pronto para ser administrado, criou Deus o homem para que cuidasse desse jardim, que era a terra e em especial num lugar chamado Éden, atualmente Iraque. De tudo que Deus criou, nada criou tão especial, tao formoso, tão maravilhoso ao seus olhos do que o homem, pois foi a ele que Deus unicamente o fez conforme a sua imagem e conforme a sua semelhança. Também disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; tenha ele domínio sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, sobre os animais domésticos, sobre toda a terra e sobre todos os répteis que rastejam pela terra. (Gênesis 1.26)

Nem os anjos Ele os criou conforme a sua imagem e semelhança, pois vemos em Hebreus como Ele se refere aos anjos: Pois a qual dos anjos disse jamais: Tu és meu Filho, eu hoje te gerei? E outra vez: Eu lhe serei Pai, e ele me será Filho? (Hebreus 1.5) Deus vendo que o homem não merecia ficar nem estar só, lhe providenciou uma ajudadora, uma esposa, uma metade, uma companheira idônea para que a amasse assim como ama a si mesmo, pois os dois quando unidos em matrimônio verdadeiro, formam uma só carne; o que diferencia é a forma corporal. De tudo isso que Deus criou para o homem, nada quis em troca, apenas que obedecesse, e lhe considerasse acima de todas as coisas, sendo fiel e verdadeiro assim como ELE é VERDADEIRO. Mas assim como grande parte dos anjos, também o homem desobedece a seu Criador logo recentemente após criado. Se aos anjos Deus não os poupou e tornou-os em anjos caídos, demônios, ou diabos, satanás. Ao homem que é a sua semelhança e imagem, ainda se compadeceu e mediante a sua GRAÇA, criou uma forma do homem poder ganhar a condição de ser Salvo, uma vez que a condenação foi inevitável. O homem passou da condição de livre de sofrimentos, do estado de graça, a ser condenado a morrer fisicamente e espiritualmente. Se antes Deus avisou que não comesse da árvore do jardim sob pena de não ter que morrer, o homem escolhe desobedecer mesmo sabendo que iria lhe custar toda sorte de problemas. Como a vontade de Deus não pode ser frustada, a sentença teria que ser cumprida com a morte física, o corpo saiu da terra, e volta novamente para a terra, ocupando o mesmo espaço no solo. E a morte espiritual? se o espirito veio de Deus, porque foi o homem formado semelhança dELE?. Como salvar esse povo de tamanha transgressão? Deus poderia muito bem ter acabado com tudo alí mesmo no inicio, e tudo não teria esse desfecho até os dias atuais, ou até quando ele desejar. Mas por amor, Graça e misericórdia, Deus encontra uma saída para livrar sua semelhança e imagem da condenação enviando seu único Filho que estava com Ele na glória, que foi quem realizou todas as obras da criação junto com ELE; aquele que era, o que é, e o que sempre será, o Alfa e o Ômega, a Brilhante estrela da manhã, a luz que resplandece nas trevas.
Nasce Jesus O Cristo para poder comprar , resgatar, pagar o preço através de morte, quitar a dívida de muitos, lançar sobre si o peso do pecado pela desobediência a Deus. Aceitou por amor de mim e de você, a morrer e padecer em nosso lugar, uma vez que nenhum de nós suportaria beber esse cálice amargo. Mas isso que Cristo fez, não se aplica a todos não, apenas  àqueles que nele crê, se converterem e mudarem.
Por que? porque a Bíblia diz que todos recebemos o espirito vindo de Deus, uns estão destinados a serem salvos e outros destinados a serem condenados, ninguém sabe se será salvo ou não, só sabe aquele que nos criou, o Filho que é quem Salva, e o Espirito Santo que testifica com o nosso espirito que somos filhos de Deus. Confira:
(Hebreus 8.10-16)  "Se, porém, Cristo está em vós, o corpo, na verdade, está morto por causa do pecado, mas o espírito é vida, por causa da justiça.
8.11   Se habita em vós o Espírito daquele que ressuscitou a Jesus dentre os mortos, esse mesmo que ressuscitou a Cristo Jesus dentre os mortos vivificará também o vosso corpo mortal, por meio do seu Espírito, que em vós habita.
8.12   Assim, pois, irmãos, somos devedores, não à carne como se constrangidos a viver segundo a carne.
8.13   Porque, se viverdes segundo a carne, caminhais para a morte; mas, se, pelo Espírito, mortificardes os feitos do corpo, certamente, vivereis.
8.14   Pois todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus.
8.15   Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes, outra vez, atemorizados, mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual clamamos: Aba, Pai.
8.16   O próprio Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus.


Se somos filhos de Deus não podemos viver segundo a vida do mundo, fazendo as coisas contrárias a vontade de Deus e contrária ao que Cristo veio fazer por nós; a menos que você seja um "joio", ou seja, um falso trigo, aquele que parece mais não é.
Por  isso não há mais necessidade de pagar nada, de fazer promessas, rezar para ídolos ou imagens de madeira ou barro, fazer sacrifícios, ser submetido a purgatório, rezar para almas de quem já morreu, etc.. Quem já morreu não tem poder de salvar ninguém não, está na mesma condição que todos, aguardando a sentença no dia final do acerto de contas. Quem seguiu e se entregou a Cristo, será Salvo por Ele; quem não seguiu e não se entregou será condenado. Isso é muito claro. Vejamos: (Marcos 16:16) Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado. ...Pois o único perdão pelos pecados e pela morte é Cristo! (João 3:16) "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna". Quem não se adequar a essas palavras e morrer fora delas acha ainda que será salvo? É por isso que há a necessidade de sermos santos conforme Jesus foi santo. De sermos diferentes em obediência àquele que nos amou primeiro, que deu sua vida por nós e foi preparar lugar para que, quando voltar na sua glória, resgatar aqueles que não negaram seu nome. (Mateus 10.32-33)   Portanto, todo aquele que me confessar diante dos homens, também eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus;
10.33   mas aquele que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai, que está nos céus.

Espero em Cristo amados, que meditemos sobre a multiforme graça de Deus para conosco, pelo seu infinito amor, e nós somos tão desobedientes para com ele. Obedecemos a tantas coisas menos a ELE. Isso por sua vez já se constitui um pecado.
Que a graça e a paz do Senhor reine em cada coração, não sabemos o que se passa com você, nem por qual motivo está lendo essa postagem, mas uma coisa tenha a certeza, tudo o que você realiza é porque Deus quer que você realize.

Por Joseval Oliveira
Imagem: Internet-Google imagens