Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Quantos Céus Existem? II


Entendendo os Céus e o Céu dos Céus (2 Crônicas 2:1-6)



INTRODUÇÃO: É através dos céus que nós podemos entender a grandeza de Deus ver o grande poder de Deus, como Deus é maravilhoso. Vemos que Deus fez os céus e o céu dos céus, porque Ele é o único Criador, criou tudo para a Sua glória, e para mostrar a todos os incrédulos e também aos seus inimigos (Satanás e os seus demônios) que Ele é o único, e que tudo foi feito por Ele, para Ele. Não conheço ninguém maior que Deus. Sl. 77: 13; Sl. 63: 1 e 2; Is. 44: 23 e 24.
Quando falamos dos céus é lógico que a Palavra de Deus mostra que não existe apenas um céu, mas sim três céus. Vamos ver na Bíblia e entender esta obra de Deus. Gn. 1: 1; Dt. 10: 14; II Co. 12: 1 e 2.

PRIMEIRO CÉU: O FIRMAMENTO. Deus criou três céus, mas o primeiro céu é visível e está ao nosso alcance, ou seja, até aonde nossa visão humana pode alcançar e se chama Firmamento. Gn. 1: 7 e 8.
O Primeiro céu, o firmamento, Deus fez para toda a humanidade, para crente ou não crente. Todos têm acesso a este céu. Mt. 5: 44 e 45.
Lógico que além do homem se beneficiar com o céu, o firmamento, Deus o fez para a sua glória, e para que o homem independente de raça, cor ou credo O glorificassem e saber que existe um Criador que criou todas as coisas. Is. 42: 8; Sl. 19: 1.
O homem comum pode olhar para o céu, o firmamento, e achar muito bonito, e também glorificar a Deus, mas na maioria das vezes o homem não glorifica a Deus pelo céu, firmamento. Rm. 1: 18-32; Is. 44: 6-25.
Mas nós compreendemos o fato do homem natural não glorificar a Deus pelo céu, firmamento, Gn. 1: 1-6; I Co. 2: 14. Agora os crentes sim têm que glorificar a Deus, pois olhando o céu com olhos humanos e glorificando com os olhos Espirituais. I Co. 2: 9-13.
O céu, firmamento, está ai, não para nós conhecedores da Palavra de Deus apenas olhar, mas através dele ver a grandeza de Deus e O adorar por causa das Suas maravilhas. Ne.9: 6; Sl.136: 1-9; Ap. 14: 6 e 7; Is.66: 23.
E através do céu, firmamento, vemos a obra Espiritual que Deus fez, faz e fará em nossas vidas, se nós olharmos para ele com olhos Espirituais. I Co. 15: 40-44.

OLHANDO O CÉU, FIRMAMENTO, COM OLHOS ESPIRITUAIS: O astro rei, o maior, aquele que nos dá luz. O Sol. O Sol se encontra em um lugar, ou seja, em uma posição de rei, de poder, porque a Terra, a Lua os Planetas, e as Estrelas menores dependem da luz dele. Ec 11: 7; Sl. 136: 1-8.
A Bíblia nos compara com estrelas Gn. 15: 1-5; Gn. 22: 17, só que como estrelas, para que brilhemos precisamos do Sol, e este Sol é Jesus. Nós como crentes dependemos totalmente de Jesus para brilharmos. Jo. 15: 1-5; Ml. 4: 1 e 2.
A Lua também depende do Sol para ter a sua luz, pode-se interpretar espiritualmente que a Lua seria a igreja e as estrelas os crentes. Tanto a igreja como os crentes dependem totalmente da luz de Cristo. Lc. 2: 25-32; Jo. 8: 12. Ap.12: 1 A mulher aqui interpretamos como o Reino de Deus, o Sol é Jesus, a Lua a Igreja, doze estrelas os Apóstolos, os primeiros membros desta Igreja. Lc. 9: 1 e 2.

SEGUNDO CÉU: AS REGIÕES CELESTES. Ef. 6: 10-12. As regiões celestes, mais conhecidas como o segundo céu, não pode ser visto com olhos carnais. É um céu onde se encontram tudo o que é Espiritual, o Reino de Deus é Espiritual. Lc. 17: 20. E também onde os anjos de Deus travam as batalhas Espirituais com Satanás e seus demônios. Ap. 12: 7; Dn. 10: 1-13.
É o lugar onde se encontram os Anjos e os demônios os quais não podemos ver com olhos humanos. Onde Satanás e seus demônios planejam as suas estratégias, para derrubar os crentes e destruir igrejas inteiras. Mas também é o lugar onde os Anjos de Deus estão a todo o momento preparado para nos defender. I Pd. 5: 8; Sl. 34: 7 e 8.
Podemos até entender biblicamente este assunto apenas lendo, mas conhecer este mundo, entrar nele, fazer a diferença nele, assim como fez Daniel. Somente com uma mudança de vida. Crente com visão carnal não podem compreender isto. I Co. 2: 14. Somente com uma postura Espiritual podemos fazer parte deste Reino. I Co. 2: 6-16.
É impossível um crente que vive de forma carnal, que não deixa a Palavra de Deus produzir mudança em sua vida, fazer parte deste Céu, Região Celeste. Rm. 8: 1-8; Gl. 5: 16-21.
Muitos falam que Satanás morre de medo do crente, mas na verdade Satanás recua, afasta e até sofre derrota para o crente. Mas somente os crentes Espirituais conseguem esta façanha. Jo. 4: 23 e 24; Tg. 4: 4 ao 7.
Para vencer Satanás e seus demônios, somente com Poder Espiritual. E Poder Espiritual só alcança quem é Espiritual. I Co. 12: 1-11.
É também no segundo céu, região celeste, que estão as promessas, profecias e bênçãos para as nossas vidas, nós não podemos ver, mas sabemos que está lá. Rm. 4: 17-21.
A melhor maneira de entrarmos no segundo céu, região celeste, e alcançarmos as promessas, profecias e as bênçãos para as nossas vidas são jejuar, orar, e muita Palavra de Deus, e muita fé no invisível. Lc. 2: 36-38; I Ts. 5: 17; Sl. 119: 11 e 105; II Co. 5: 7; Hb. 11: 1.
Também é no segundo céu, região celeste, que nós temos contato com Deus, é neste céu que nós recebemos informações, revelações e correção de Deus para as nossas vidas através do Espírito Santo. Rm. 8: 26 e 27; Ap. 2: 7.
A igreja, ou seja, o conjunto de membros, que juntos formam o Corpo de Cristo.
Obs:  A Igreja é o Corpo de Cristo formado por um conjunto de membros Espirituais.
Têm como habitação as Regiões Celeste, ou seja, ela está em terrenos Celestiais. II Co. 5: 20; Ef. 6: 19 e 20.

TERCEIRO CÉU: O CÉU DOS CÉUS. O PARAISO, II Co. 12: 1 ao 4. Terceiro céu, o Céu dos Céus, lugar que Deus fez para a Sua habitação, lugar que Deus escolheu para colocar o seu Trono. Dt. 26: 15; Is. 66: 1; Is. 63: 14 e 15; Sl. 47: 8; Sl. 103: 19.
Embora que a Bíblia diga que Deus é Onipresente, e Ele enche toda a Terra, e está em todo lugar. Mas o Céu dos Céus é o lugar do seu repouso, de descanso. Sl. 139: 1-10; Jr. 23: 23 e 24; Gn. 2: 1-3; Hb. 4: 1-4.
Lugar onde Deus observa toda a Terra, onde continuamente Deus olha os filhos dos homens. Sl. 11: 4; II Cr. 16: 9. É um lugar que nem com os olhos Espirituais podemos enxergar, é um lugar onde nem com toda a nossa santidade, espiritualidade, podemos entrar. Somente Deus, por Sua Soberana Vontade pode nos fazer ver o Céu dos Céus o (paraíso). Ap.4: 1 e 2; Is. 6: 1-7; II Co. 12:1-9.
É um lugar que já está preparado para os verdadeiros adoradores, espirituais e fiéis morar. Jo. 4: 23 e 24; Rm. 8: 1; Sl. 1-1: 6.
Os espirituais, verdadeiros adoradores e fiéis estes vivem com os olhos humanos vendo o primeiro céu, com a vida espiritual nas regiões celestes, mas gemendo de vontade de ir para o paraíso. Fp. 1: 15-23; Fp. 3: 20 e 21; Hb. 11: 13 e 16.
Mas é o lugar onde está preparada a cidade feita só para nós. Ap. 21: 1-11; Hb. 12: 14-22. Um lugar que com certeza um dia iremos morar. Porque Jesus foi preparar um lugar para nós. Jo. 14: 1-3.
É um lugar onde iremos contemplar a Glória de Deus e de Jesus. Vamos ter contato com os nossos irmãos da primeira Igreja: Atos dos Apóstolos. E junto vamos participar da Bodas do Cordeiro. Ap. 19: 1-9.
Um lugar onde não teremos que sofrer mais as acusações de Satanás. Ap. 12: 10 e 11.Onde não haverá mais dor, tristeza e morte. Mas juntos com os anjos e nossos irmãos, estaremos alegres e glorificando ao Senhor Jesus Cristo e o nosso Deus. Ap. 7: 9-12.
É um lugar maravilhoso que nós devemos tomar o maior cuidado para não perder o direito de entrar. Ap. 16: 15; Ap. 3: 11.
Porque pode ser que no ultimo momento podemos deixar de entrar. Podemos viver uma vida Espiritual e de santidade e perder o direito. Dt. 3: 23-27; Hb. 12: 14-17.

Autor: Pr. Ev. Sérgio Lopes- http://www.palavrasdavida.com.br/estudos/entendendoosceuseoceudosceus.html
Imagem: Internet-Google imagens