Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Jesus Cristo homem coroado de Glória

Hebreus 2.11-13

Pois, tanto o que santifica como os que são santificados, todos vêm de um só. Por isso, é que ele não se envergonha de lhes chamar irmãos, dizendo: a meus irmãos declarei o teu nome, cantar-te-ei louvores no meio da congregação.
E outra vez: Eu porei nele a minha confiança. E ainda: Eis aqui estou eu e os filhos que Deus me deu.

Amados leitores, os textos que acabamos de ler tratam-se do livro de Hebreus e fala a respeito da Glória de Jesus Cristo. Aquele que se humilhou a ponto de por um pouco se fazer menor que os anjos, para poder passar pelo calvário de morte por nossa causa. Sabemos que Jesus é superior aos anjos, mas nesse periodo teve que se diminuir a menos que eles para assumir aquilo que causamos e não tivemos e nem temos como pagar, que foi a desobediência ao Pai.  A Honra e a Glória vem do Pai que santifica a todos, tanto ao que santifica (Jesus) outros, como aos que são santificados (crentes) por Este. E a palavra diz que ele (Jesus) não se cansou, não se envergonhou, nem se cansa, nem se envergonha de nos chamar irmãos. E quantas vezes ele declarou abertamente nos chamando de irmãos, sofreu, lamentou, sentiu na pele o que sentimos. Chorou com os que choraram e se angustiou com os sofrimentos de muitos. É por isso que ele declara  para o Pai que estava no mundo declarando o Seu nome e cantando altos louvores no meio do povo. Ele também diz ao Pai que nEle (Pai) coloca toda sua confiança, e jamais falharia em nada da confiança que lhe foi confiada. O Senhor Jesus Cristo diz ao Pai, que estava aqui na terra, no meio do povo que o Pai lhe deu, no meio de seus irmãos, no meio daqueles que mesmo infiéis, mas lhe permanecia fiel porque não pode negar-se a si mesmo. E Jesus se sentia um de nós. Viveu como nós, sofreu como nós, sentiu e presenciou o sofrimento de todos, mas nem assim todos o aceitarem como a solução de seus problemas, porque não criam nele. A começar por os de sua própria casa, onde a Palavra diz que até seus próprios irmãos eram descrentes em relação a ele; só sua mãe que trazia no coração a certeza de quem o era. E sabia também que aquele filho não era seu, em breve teria que partir. As Palavras das Escrituras no próprio livro de Hebreus desse mesmo capitulo, fala que em momento algum Deus deu poderes a anjos para lhes sujeitar todas as coisas, mas a Jesus Cristo sim. Jesus não veio socorrer anjos nem quem não necessitasse de ajuda, e sim veio em defesa daqueles que cressem no seu nome, na sua missão, na certeza que Ele era o verdadeiro caminho. Ensinou, deu exemplos, se humilhou, calou-se no momento certo, falou quando foi necessário. 
Cumpriu a missão que o Pai lhe determinou, com zelo, amor, fidelidade, em nada O contrariou. Foi obediente até a morte, levado como uma ovelha ao matadouro, e sem lamentar, nem blasfemar, nem usou do poder que tinha para trair o Pai, foi levado a morte de cruz. A mais horrível e humilhante morte que era a da crucificação.
Depois destes fatos, aí sim, Ele voltou novamente a condição de Deus, como era antes, e atualmente é juiz sobre toda terra, nação e reino. Preparemo-nos todos, porque quando da sua vinda, não virá mais como dessa vez anterior, no estado humano, e sim como o Rei da Glória. E virá não para ensinar, e sim para julgar o mundo, a cada um segundo o que teremos procedido, e salvará apenas aqueles a quem nEle creram; uma vez que, sem fé, crença e conversão, não há salvação! isso é notório e certo!    
Portanto amados, não existe atualmente ninguém capaz de saber todos os nossos problemas mais que Cristo Jesus. Porque não entregarmos nossas vidas, nossos caminhos a quem conhece, a quem tem experiência, a quem é capaz de salvar a nossa alma?
Ele disse:  " mas aquele que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai, que está nos céus". (Mateus 10.33)
A graça e a paz de Deus e nosso Senhor Jesus Cristo esteja com todos!

Por Joseval Oliveira
Imagem: Internet- Google imagens