Divulgador de Cristo

Imagens em Movimento

3homens 3homens Natural

Divulgador de Cristo

Arrebatamento

Jesus Cristo

Fim dos tempos

Você sabia

versículos biblicos

Evangelização/Reflexão

Conhecendo as Escrituras

Anjos

Saiba quem é Jesus o Cristo

Salmos 23

O Lamento do Messias

Redes Sociais

Translate into your language

sábado, 10 de setembro de 2016

Pai de Multidões

Devemos ser uma benção onde quer estejamos!
Quando ouvirmos o chamado de Deus não devemos vacilar, mas dizer; eis-me aqui Senhor, como fez nosso Pai Abraão que tornou-se por intermédio da promessa de Deus, o pai de grandes multidões.




Gn. 12. 1-8.
Uma das histórias mais inspiradoras da Bíblia para mim é a história de Abraão. Convido você neste post a observar e aprender um pouco com a vida deste homem chamado para marcar.
Abraão foi mais um daqueles homens que
“achou graça perante os olhos do Senhor”. E foi pela sua graça que Deus deu a ele um dos chamados mais desafiadores que eu já vi na Palavra de Deus. “Saia da sua terra, do meio dos seus parentes e da casa de seu pai” (v. 1). Abraão teria que deixar aquilo que o ser humano tem de mais precioso aqui nesta terra: a sua família. Colocando-me no lugar de Abraão fico imaginando quanto desprendimento ele deveria então ter para que isso fosse possível. E também tenho a triste constatação de que muitos de nós hoje, chamados povo de Deus, temos perdido tantas bênçãos espirituais por medo de acreditar nas promessas do Senhor.
Agora observe a continuação do versículo: “e vá para a terra que eu lhe mostrarei”. Observe que Deus aqui não diz nada sobre os atributos da tal terra que ele mostraria a Abraão. Se nós atentarmos bem para este trecho parece que Abraão estaria na verdade dando um tiro no escuro, apostando no sucesso de algo que ele não podia ver e nem saber como é. Mas é assim que Deus age. Ele nos dá uma visão de futuro, que estimulará o exercício da nossa fé no decorrer da jornada.

Foi assim que ele fez com Abraão, dando a seu servo uma visão: “Farei de você um grande povo, e o abençoarei. Tornarei famoso o seu nome, e você será uma benção. Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que o amaldiçoarem; e por meio de você todos os povos da terra serão abençoados” (v. 2,3). Temos que estar atentos às promessas do Senhor para nossas vidas. Não podemos deixar que nossas incertezas frustrem essas promessas. Abraão certamente não pensou “Isso é grande demais para mim, não vai dar certo. Sou incapaz!”, e se pensou depois ele chegou à conclusão de que ele seria somente o instrumento a ser lapidado e habilitado nas mãos de Deus, pois o versículo 4 diz “Partiu Abrão como lhe ordenara o SENHOR, e Ló foi com ele.”
Querido leitor, o Senhor nos chama a sairmos do conforto do meio do nosso lar e dos nossos parentes para cairmos “no campo” e sermos poderosamente usados no cumprimento da sua vontade. Pode parecer difícil nos desprender de tantas coisas que valorizamos. Mas depois veremos que o amor de Deus nos dará o suporte para que vençamos todas as nossas dificuldades e carências, pois a maior destas Ele já supriu: a carência Dele! Só quando deixamos o amor de Deus nos inundar e transformar é que vemos as promessas do Senhor se cumprirem em nossas vidas. No caso de Abraão, alcançou a promessa de ser o pai de multidões.
Pra você deixo Salmo 37 versículo 5: “Entregue o seu caminho ao SENHOR; confie nele e ele agirá”. Deus o abençoe!

Postado por Alexsandro Cunha - http://eufuichamadoparamarcar.blogspot.com.br/2011/07/abraao-chamado-para-ser-o-pai-de.html

Imagem e video: Extraídos da Internet e Youtube-https://www.youtube.com/watch?v=PBtRPaBrq18