quarta-feira, 4 de julho de 2018

A história de Jó foi real ou lenda?

UZ - Terra onde Jó viveu, fica situada no deserto sírio, entre as latitudes de Damasco e Edom (Jr 25.20; Lm 4.21).
A história de Jó não é lenda nem algo duvidoso ou oculto como muitos afirmam sem ter conhecimento da palavra de Deus.
Mas uma história real que se deu quando ele Jó habitou na terra de UZ.
UZ possivelmente tinha seu nome conhecido por ser da descendência dos príncipes Edomitas.
À Terra era um lugar que foi habitado pelos descendentes de Esaú que também tinha o nome de Edom, irmão de sangue de Jacó; mas existia uma
inimizade histórica entre Edom e Judá e ele alegrou-se em ver a queda de Jerusalém, mas veio a cair também, punido por Deus.
A descendência de Esaú foi habitar no monte Seir. Os habitantes dessa região chamavam-se horeus; lá habitou um homem horeu pai de filhos, os quais foram príncipes dos horeus e desses filhos, de um que se chamava Disã, nasceu um filho que chamava-se UZ, (Gn 36.20-30); (1Cr 1.38-42) possuidor de terras da qual, procede Jó, homem que também foi rico em abundância. Aquela região era uma terra de pessoas incredulas que Deus não aprovava suas ações, e nela vivia um homem Justo que Deus o tinha como uma pérola preciosa. Lá sobressaía-se Jó porque fazia a diferença em terra pecaminosa de pessoas rebeldes, que não andavam segundo os preceitos de Deus desde a antiguidade, quando foi dito: Só a mim dareis culto e só a mim adorareis porque só Eu sou o Deus de vocês e não há outro.
Em certo dia quando Deus se reuniu com seus filhos, satanás que vive apenas para fazer o mal; entrou no meio da reunião e foi indagado por Deus, sobre de onde estava vindo. Disse que que estava vindo de rodear a terra e passear por ela. Foi aí que Deus entrou no assunto de mostrar que naquela terra, naquele lugar de povo desaprovado, existia um homem temente e que guardava os seus mandamentos. Inicia-se então todo desenrolar, e onde satanás diz que Jó só era fiel porque Deus o protegia. Aí FoUZ - Terra onde Jó viveu, fica situada no deserto sírio, entre as latitudes de Damasco e Edom (Jr 25.20; Lm 4.21).
A história de Jó não é lenda nem algo duvidoso ou oculto como muitos afirmam sem ter conhecimento da palavra de Deus.
Mas uma história real que se deu quando ele Jó habitou na terra de UZ.
UZ possivelmente tinha seu nome conhecido por ser da descendência dos príncipes Edomitas.
À Terra era um lugar que foi habitado pelos descendentes de Esaú que também tinha o nome de Edom, irmão de sangue de Jacó; mas existia uma inimizade histórica entre Edom e Judá e ele mostrou-se em ver a queda de Jerusalém, mas veio a cair também, punido por Deus.
A descendência de Esaú foi habitar no monte Seir. Os habitantes dessa região chamavam-se horeus; lá habitou um homem horeu pai de filhos, os quais foram príncipes dos horeus e desses filhos do que se chamava Disã, nasceu um filho que chamava-se UZ, (Gn 36.20-30); (1Cr 1.38-42) possuidor de terras da qual terra procede Jó, homem que foi rico em abundância. Uma terra de pessoas incredulas que Deus não aprovava suas ações, e nela vivia um homem Justo que Deus o tinha como uma pérola preciosa. Nessa terra sobressaía-se Jó porque fazia a diferença em terra pecaminosa de pessoas rebeldes, que não andavam segundo os preceitos de Deus desde a antiguidade, quando foi dito: Só a mim dareis culto e só a mim adorareis porque só Eu sou o Deus de vocês e não há outro.
Em certo dia quando Deus se reuniu com seus filhos, satanás que vive apenas para fazer o mal; entrou no meio da reunião e foi indagado por Deus, sobre de onde estava vindo. Disse que que estava vindo de rodear a terra e passear por ela. Foi aí que Deus entrou no assunto de mostrar que nesta terra, lá naquele lugar de povo desaprovado, existia um homem temente e que guardava os seus mandamentos. Inicia-se então todo desenrolar, onde satanás diz que Jó só era fiel porque Deus o protegia. Foi quando Deus diz que satanás podia fazer o que quizesse, menos matá-lo, que Jó iria permanecer sempre fiel. Jó iniciou seu martírio sem ter noção do que estava acontecendo, do que se passava, não tinha a mínima idéia do porquê!
Só sabemos que depois de tanto sofrer, ser acusado pelos amigos de ser um pecador etc...Satanás saiu injuriado e desmoralizado porque pensava que Jó iria trair o seu Deus. O Senhor continua Exaltado porque é o Deus de toda criação e Reina Absoluto no Universo.
Eis o que diz a palavra de Deus:
"Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desviava do mal. Possuía sete mil ovelhas, três mil camelos, quinhentas juntas de bois e quinhentas jumentas; era também mui numeroso o pessoal ao seu serviço, de maneira que este homem era o maior de todos os do Oriente. Seus filhos iam às casas uns dos outros e faziam banquetes, cada um por sua vez, e mandavam convidar as suas três irmãs a comerem e beberem com eles. Decorrido o turno de dias de seus banquetes, chamava Jó a seus filhos e os santificava; levantava-se de madrugada e oferecia holocaustos segundo o número de todos eles, pois dizia: Talvez tenham pecado os meus filhos e blasfemado contra Deus em seu coração. Assim o fazia Jó continuamente.  Num dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o Senhor , veio também Satanás entre eles. Então, perguntou o Senhor a Satanás: Donde vens? Satanás respondeu ao Senhor e disse: De rodear a terra e passear por ela. Perguntou ainda o Senhor a Satanás: Observaste o meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal. Então, respondeu Satanás ao Senhor : Porventura, Jó debalde teme a Deus? Acaso, não o cercaste com sebe, a ele, a sua casa e a tudo quanto tem? A obra de suas mãos abençoaste, e os seus bens se multiplicaram na terra. Estende, porém, a mão, e toca-lhe em tudo quanto tem, e verás se não blasfema contra ti na tua face. Disse o Senhor a Satanás: Eis que tudo quanto ele tem está em teu poder; somente contra ele não estendas a mão. E Satanás saiu da presença do Senhor .  Sucedeu um dia, em que seus filhos e suas filhas comiam e bebiam vinho na casa do irmão primogênito, que veio um mensageiro a Jó e lhe disse: Os bois lavravam, e as jumentas pasciam junto a eles; de repente, deram sobre eles os sabeus, e os levaram, e mataram aos servos a fio de espada; só eu escapei, para trazer-te a nova. Falava este ainda quando veio outro e disse: Fogo de Deus caiu do céu, e queimou as ovelhas e os servos, e os consumiu; só eu escapei, para trazer-te a nova. Falava este ainda quando veio outro e disse: Dividiram-se os caldeus em três bandos, deram sobre os camelos, os levaram e mataram aos servos a fio de espada; só eu escapei, para trazer-te a nova. Também este falava ainda quando veio outro e disse: Estando teus filhos e tuas filhas comendo e bebendo vinho, em casa do irmão primogênito, eis que se levantou grande vento do lado do deserto e deu nos quatro cantos da casa, a qual caiu sobre eles, e morreram; só eu escapei, para trazer-te a nova.  Então, Jó se levantou, rasgou o seu manto, rapou a cabeça e lançou-se em terra e adorou; e disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu voltarei; o Senhor o deu e o Senhor o tomou; bendito seja o nome do Senhor ! Em tudo isto Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma. Jó 1:1‭, ‬3‭-‬22

Mudou o Senhor a sorte de Jó, quando este orava pelos seus amigos; e o Senhor deu-lhe o dobro de tudo o que antes possuíra. Então, vieram a ele todos os seus irmãos, e todas as suas irmãs, e todos quantos dantes o conheceram, e comeram com ele em sua casa, e se condoeram dele, e o consolaram de todo o mal que o Senhor lhe havia enviado; cada um lhe deu dinheiro e um anel de ouro. Assim, abençoou o Senhor o último estado de Jó mais do que o primeiro; porque veio a ter catorze mil ovelhas, seis mil camelos, mil juntas de bois e mil jumentas. Também teve outros sete filhos e três filhas. Chamou o nome da primeira Jemima, o da outra, Quezia, e o da terceira, Quéren-Hapuque. Em toda aquela terra não se acharam mulheres tão formosas como as filhas de Jó; e seu pai lhes deu herança entre seus irmãos. Depois disto, viveu Jó cento e quarenta anos; e viu a seus filhos e aos filhos de seus filhos, até à quarta geração. Então, morreu Jó, velho e farto de dias. Jó 42:10‭-‬17"

Fonte: Bíblia Sagrada
Imagem: Extraída da Internet