segunda-feira, 16 de julho de 2018

Deus repreende o rei Amazias por ser idólatra

Vemos nas Escrituras que todo e qualquer problema que sobrevinha contra o povo de Deus era por causa de idolatria.
Deus dizia para não se chegarem para imagens de esculturas, ídolos, deuses estranhos que eles constituiam.
Quando o povo andava segundo a obediência de Deus, tudo ia bem. Quando eles se voltavam para as imagens, as coisas começavam a andar para
trás e eles pagavam o preço das consequências.
Vemos no caso do rei Amazias. Esse rei fez incursão sobre o povo de Edom, os edomitas, povo idolatra que não obedecia o Senhor, mas andavam segundo seus ídolos, suas imagens de esculturas, que faziam e criavam para suplicarem a elas pelo que necessitavam. Quando voltou da vitória sobre os Edomitas, trouxe consigo os ídolos deles dos filhos de Seir, para os adorar, e queimar incenso. A ira de Deus se acendeu contra ele e foi destituído do trono.
Eis o que diz a palavra de Deus.

"Vindo Amazias da matança dos edomitas, trouxe consigo os deuses dos filhos de Seir, tomou-os por seus deuses, adorou-os e lhes queimou incenso. Então, a ira do Senhor se acendeu contra Amazias, e mandou-lhe um profeta que lhe disse: Por que buscaste deuses que a seu povo não livraram das tuas mãos? Enquanto lhe falava o profeta, disse-lhe o rei: Acaso, te pusemos por conselheiro do rei? Para com isso. Por que teríamos de ferir-te? Então, parou o profeta, mas disse: Sei que Deus resolveu destruir-te, porque fizeste isso e não deste ouvidos ao meu conselho". (2Crônicas 25:14‭-‬16)

Fonte: Bíblia Sagrada
Imagem: Extraída da Internet

A conclusão que chegamos é que devemos recorrer apenas a Deus e por meio de Cristo, o qual foi constituído Rei e intermediador entre nós pecadores e o Pai.